Dívidas

 

Não conseguiste pagar? Este ano não estudas.

 

Ano após ano o número de estudantes que não se conseguem matricular por ter propinas em atraso não tem parado de aumentar. As universidades dizem não aguentar mais cortes por parte do Ministério da Educação e quem tem pago a factura? Somos nós...outra vez!

É possível uma Universidade pública funcionar sem dinheiro público? Não.

A reitoria deve tratar os seus alunos como um banco faz com os incumpridores, multando-nos e aplicando juros quando nos atrasamos no pagamento da propina? Não.

 

Ler mais...

Habitação estudantil

 

Para além das propinas e da falta de bolsas de estudo, a habitação estudantil é um dos principais e mais dispendiosos problemas que os estudantes enfrentam quando chegam a Coimbra.

Estranha-se, tendo em conta a história da UC e do papel que cumprena cidade, que não haja oferta suficiente para cobrir as necessidades de quem vem estudar para aqui. A função (social) de albergar os estudantes foi deixada, por parte da Câmara Municipal e da UC, aos senhorios privados, que não têm em conta a atual situação económica de um estudante e das famílias em Portugal.

 

Ler mais...

Precariedade/Saídas Profissionais

 

A Lista R definiu a atual situação de precariedade em que se encontram cada vez mais estudantes, como um dos principais focos de problemas sobre a qual a AAC se deve centrar.  A necessidade de trabalhar por parte de um número crescente de alunos e o aumento de situações irregulares de trabalho obriga-nos a criar novos mecanismos de defesa dos estudantes, mais próximas da realidade vivida por muitos de nós.

 

Ler mais...

Conselho Fiscal

 

A maior parte das contas da AAC são um mistério para a maioria dos seus sócios. A gestão da maior associação de estudantes do país, nos últimos anos, coincide com os mais vergonhosos episódios da vida política em Portugal, em que se favorecem, muitas vezes, os amigos e os interesses pessoais e se esquecem os princípios e os estatutos da AAC. Os buracos financeiros, os contratos obscuros e os gastos exagerados dos dirigentes associativos chocam e afastam cada vez mais os estudantes de uma participação activa. 

 

Ler mais...

Discriminações

 

A cidade de Coimbra, que se mostra ao mundo como uma cidade progressiva, moderna e vanguardista, esconde no seu âmago uma realidade bastante injusta para aqueles que de uma forma ou de outra escapam daquilo que é a norma.

Falamos em opressão e discriminação da mulher, dos homossexuais e tantas outras minorias, uma realidade atual, longe de estar erradicada (mesmo quando muitos acreditam no contrário).

 

Ler mais...

Acção Social

 

Os estudantes da UC não tiverem os melhores serviços de acção social do país por acaso - tivemo-los porque a AAC tinha um grande peso político, os estudantes de Coimbra reagiam aos cortes na educação e às tentativas de transferir o custo de frequentar o Ensino Superior para as famílias com todos os meios possíves: fossem manifestações, ocupações, greves, boicotes - mais do que a forma,  havia a vontade de fazer.

 

 

Ler mais...

 

Festas Académicas

 

A Lista R – Reset à AAC defende um outro modelo de Festas Académicas, mais transparente e mais ligada aos estudantes. Tanto a Festa das Latas como a Queima das Fitas são eventos que trazem lucro a AAC mas os preços elevados de entrada e de consumo dentro do recinto, os buracos financeiros e a insatisfação dos grupos da casa mostram que deve feito outro caminho.

 

 

Ler mais...

© 2023 by Eco Green. Proudly created with Wix.com

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now